terça-feira, 25 de dezembro de 2007


Poema visual
de Avelino de Araújo (RN)

Blogueado
das páginas virtuais
da internet

9 comentários:

Oliver Pickwick disse...

Passei para desejar um Ano Novo repleto de saúde e paz.
Abraços!

pin gente disse...

olá! venho aqui por intermédio do oliver.

e se consumirmos com o olhar?
abraço
luísa

Sandra Leite disse...

Em tempos de aqquecimento global e consumo desenfreado, PERFEITO!

bjs

Joaquim Branco disse...

No alvo, Moacy. O poeta utiliza o material comum, aplica à idéia, cria a forma e faz o poema.
Perfeito.

Grande abraço

Joaquim Branco

Diego Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diego Medeiros disse...

Olá Moacy, estou devolta ao mundo virtual! Belo poema do Avelino, falando em Avelino, entrei em contato com ele também, ele deixou um comentário no meu blog.
O senhor veio à Natal no Encontro de Escritores? Tinha uma exposição de poemas processo de Alváro de Sá, muitos bons, pelo menos os que eu consegui entender, não tenho tanto repertório quanto ele... (hehehehe) Mas um dia chego lá! Abraço!

Anônimo disse...

OBS.; ESTE POEMA É DE 1993!!!!
ASS.O AUTOR

osrevni disse...

Muito bom descobrir este blog. A poesia, ufa, não morreu!

joice disse...

o poema diz tudo mesmo. sem excessos nem faltas. um abraço e boa terça para você.

p.s.: não conhecia este seu blog ainda. prazer em conhecê-lo :-)